Grupo Conviva

Tag - dicas

5 Dicas para idosos em caso de viagens

dicas para idosos em caso de viagens

Viajar é uma boa opção para manter os idosos intelectualmente ativos, além de ser um importante fator de socialização com outras pessoas e com a família. Seja por turismo ou em caso de necessidade, é importante tomar certos cuidados. Confira as dicas abaixo sobre o que fazer em casos de viagens com idosos!

1 – Consulte o médico: Antes de qualquer viagem, é importante questionar o médico se o idoso tem plenas condições de viajar. Informe a ele o destino e quais atividades o idoso irá desenvolver. Pode ser até que ele peça um check-up para conferir se a saúde está em dia!

2 – Atenção aos medicamentos: Caso o idoso tome algum medicamento, fique atento sobre regras de embarque ou legislações sobre o uso de remédios. Há países, por exemplo, em que não se pode entrar portando medicamentos sem a receita médica. Pesquisar antes é uma forma de evitar contratempos.

3 – Escolha bem o seu destino: Procure saber tudo sobre o destino da viagem. Consulte a previsão do tempo e veja quais serão as condições que o idoso vai enfrentar: lembre-se que eles são mais sensíveis a temperaturas altas ou baixas demais. Da mesma forma, pense nos trajetos que o idoso vai percorrer. Ele vai precisar caminhar muito? Subir escadas? Tomar sol? Tenha atenção aos detalhes!

4 – Alimentação e hidratação: Lembre-se de oferecer água durante as viagens e alimentação em quantidade moderada. Tenha também cuidado com comidas típicas que possam fazer algum mal ao idoso.

5 – Vacinação: Consulte a carteira de vacinação do idoso antes da viagem. Há locais, por exemplo, em que a vacinação é indicada para evitar doenças endêmicas.

O importante, antes de qualquer viagem, é se preparar. Tente prevenir-se contra possíveis problemas, e coloque a saúde do idoso sempre à frente. Com certeza, a viagem será mais proveitosa para todos!

Como agir em caso de perda de audição do idoso

idosa com problemas de audição usando aparelho auditivo

O ouvido é um órgão muito sensível que nos permite receber e interpretar estímulos sonoros variados. A deficiência auditiva é caracterizada pela perda total ou parcial da audição, o que pode ocorrer devido a inúmeras causas, como exposição prolongada a ruídos intensos, infecções, diabetes, genética e demais defeitos de nascença, assim como o próprio envelhecimento. A perda auditiva pode variar entre a dificuldade de ouvir sons suaves até mesmo a completa surdez.

Leia Mais

7 Dicas para ter um envelhecimento saudável

idoso usando boina e sorrindo por ter um envelhecimento saudável

O primeiro passo para ter e manter um envelhecimento saudável, é a alimentação. Cultivar hábitos saudáveis, evitando alimentos processados e combatendo o sedentarismo é parte fundamental para que o organismo continue funcionando bem após os 60 anos. Além disso, essas práticas evitam doenças como diabetes, hipertensão e colesterol alto. Leia Mais